sábado, 15 de novembro de 2008

Pintores da Península Ibérica (Portugal) - Silva Porto

Guardando o Rebanho
(Clicar na figura para aumentar)

Colheita - Ceifeiras

A Charneca de Belas ao Pôr-do-Sol

A Ceifa

No Areinho - Porto

Pequena Fiandeira Napolitana.
.
António Carvalho da Silva foi um pintor português (Porto, 1850-1893), que adoptou como apelido o nome da sua cidade natal, ficando conhecido por Silva Porto.
.
Estudou na Academia Portuense de Belas Artes, estagiou em Paris (1876-1877) e em Itália (1879).
Em 1879 regressou a Portugal. Aureolado de prestígio, foi convidado a ensinar na Academia de Lisboa como mestre de Paisagem.
Em 1880 realiza uma exposição de quadros paisagísticos inundados de luz, tendo D. Fernando adquirido o quadro Charneca de Belas ao Pôr-do-Sol.
.
Fez parte do chamado Grupo do Leão, juntamente com António Ramalho, João Vaz, José Malhoa, Cesário Verde, Columbano e Rafael Bordalo Pinheiro.
.
Entre outros galardões, recebeu a medalha de ouro da Exposição Industrial Portuguesa de 1884 e a primeira medalha do Grémio Artístico.
.
A sua pintura, cheia de luz e de cor, é sobretudo inspirada na Natureza, sendo tido como um dos fundadores do naturalismo em Portugal.
.
Encontra-se largamente representado no Museu do Chiado (Lisboa) e no Museu Nacional de Soares dos Reis (Porto).
Existe uma rua com o seu nome, na freguesia de Paranhos (Porto) e o Parque Silva Porto na freguesia de Benfica (Lisboa).

Sem comentários: